Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Uma das minhas melhores aquisições dos últimos tempos foi o Spotify (me patrocina ai). Lá eu criei uma playlist para cada coisa que gosto de fazer ou ouvir, especialmente selecionadas.

A playlist que vou compartilhar com vocês hoje tem algumas músicas que gosto de ouvir para uma reflexão ou quando sinto que preciso ficar mais leve. Espero que goste da minha seleção.

E você, pode me indicar uma música?

PS: para ouvir a playlist, aproxime a câmera do Spotify do código abaixo ou salve a foto a abra no campo de pesquisa do aplicativo 😉

 

WhatsApp Image 2018-07-29 at 15.35.34

Minha Playlist Mágica | Música

Anúncios
Nota

Oi pessoas, tudo bem?

O assunto de hoje vai ajudar muitas pessoas que querem fazer sua primeira tatuagem, mas ainda não sabe o que desenhar, homenagear, etc.

Quando fiz as minhas tatuagens, decidi que elas deveriam ter um significado para a vida toda e que, caso um dia eu mudasse meu pensamento sobre determinados assuntos, elas não passariam a me incomodar ou atrapalhar a minha vida, seja profissional ou pessoal.

Minha primeira tatuagem foi feita aos meus 16 anos, mas eu sabia o que queria e o significado dela, mesmo  que fosse um desenho ”comum”. Optei pelo Hexagrama por seu significado na Wicca e bruxaria em geral, mas antes, tentei conhecer sua história em todas as religiões possíveis, para que eu não me arrependesse futuramente. Hoje tenho 19 anos e continuo amando a magia e a minha tatuagem.

Ok, tudo certo! Aos 18 decidi fazer um pentagrama, que representa em sua essência um símbolo de proteção e os cinco elementos da natureza que regem a vida daqueles que acreditam no poder da magia e da natureza. Essa foi mais ”direcionada” e eu realmente teria que ter certeza que não me arrependeria de tatuar mais um símbolo mágico. Novamente, não me arrependi.

O segredo aqui é que minhas tatuagens (tenho listas de muitas outras que quero fazer) realmente são importantes para mim e me fazem ficar perto daquilo que realmente amo e acredito, mesmo com a correria e o estresse do dia a dia, que, infelizmente, podem acabar te afastando de muitas coisas que você crê, mas que estarão sempre em seu coração.

Tatue sempre coisas que são importantes única e exclusivamente para você, porque o seu corpo é o seu templo e você deve cuidá-lo e decorá-lo como sua casa, pois suas marcas serão levadas com você por toda a eternidade.

Eu poderia ter escrito mil e uma maneiras de decidir a tatuagem perfeita, mas eu realmente acredito que só sua essência poderá fazer isso por você.

 

Imagem relacionada

Como decidir uma tatuagem | Corpo

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

No post de hoje eu trouxe minhas cinco músicas preferidas que são cantadas por mulheres com vozes incríveis e super marcantes. E você já tem a sua favorita?

    1. Nemo – Nightwish – Interpretado por Tarja

 

    2. Cry For The Moon – Epica – Interpretado por Simone
    3. I Hate Myself For Loving You – Interpretado por Joan Jett
    4. Girls Just Want To Have Fun – Interpretado Por Cindy Lauper

 

    5. All The She Wants – Ace Of Base

Minha Playlist Girl Power | Música

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Hoje vou apresentar para vocês a banda Atrioul e como eles levaram o seu som para o Brasil inteiro.

 

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas em pé

 

”Somos uma Banda de Rock paulistana formada em 2003.
Em 2005 gravamos o nosso primeiro EP  e em 2008 o EP Atrioul; onde recebemos convites para tocarmos fora da capital Paulista, passando por cidades como, São Roque, Vinhedo, Itu, Curitiba, Ponta Grossa, Rio de Janeiro e em outras cidades no Brasil afora dividindo palco com grandes nomes nacionais e internacionais como a banda estadunidense Rufio.
Atualmente com novos integrantes estamos nos preparando para lançar um álbum mais intimista, onde a primeira single intitulada ”Ferro e Fuligem” foi destaque na coletânea lançada pela Hard Kiss e a coletanea Rock São Paulo 2017 (Nenê Altro Dance of Days), junto com Dead Fish, Hateen e outras bandas do cenário.”

Da capital para o Brasil | Atrioul

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Com a união de vários estilos musicais para o fortalecimento das cenas atuais, conversei com o MC Fraza, que uniu o RAP ao MPB.

De onde surgiu a ideia de mixar o MPB com o RAP? Qual foi sua inspiração?

A Ideia surgiu do rap americano, eu acompanho muito a cultura dos caras, pois o rap nasceu la, e la é bem comum os artistas se misturarem e fazer colaborações, ouço muito Jay z, chris brown, eminem entre outros e sempre vejo grandes canções com outrosartistas o famoso “feat” principalmente com cantoras de outros seguimentos como Rihanna, Alicia Keys, Katy Perry Etc
Foi da ai que veio a minha inspiração, fiz o convite para Paula ela topou e tai #OTempo foi o resultado deste encontro.
Você tem um publico especifico ou sua musica é feita pra todo mundo ouvir?
Eu sou um artista que nasci e faço parte da cultura hiphop, mas não me prendo apenas a este meio, musica é arte e arte envolve sentimento, quero que minha musica toque o maximo de pessoas possiveis, independente do seu estilo, se ela é religiosa, funkeira, drag queen e independente de classe social faço pra todos que estejam com os ouvidos e corações abertos para receber nossa arte. O mundo ja é preconceituoso demais e minha musica veio pra quebrar isso e unir as pessoas, porque no fim TODOS nós somos iguais.
Como você se sente sobre os artistas que estao surgindo agora? Quais as maiores dificuldades?
Cara, viver de musica e fazer seu trabalho dar certo não é facil, são muitos desafios. Começando pelo preconceito que é muito grande, musico e artista em começo de carreira é visto como “Vagabundo” “Drogado” etc… Mas nosso amor pela arte e pelo que agente faz tem que ser mais forte que tudo isso, e acredito que o mundo são das pessoas que tem coragem de acreditar nos seus sonhos e lutar por eles. No começo é tudo muito escuro agente erra muito tentando acertar, pois é um meio muito restrito “pra poucos” mas se você persiste e faz com amor as coisas começam a dar certo. As maiores dificuldades que enfrentei são essas, o preconceito das pessoas, as vezes da propria familia que não entende, pouco espaço para divulgar seu trabalho, pouca grana no inicio para investir, shows vazios. etc etc
Se a pessoa não tiver uma força mental muito grande ela concerteza não aguenta e desiste.
Ainda mais no RAP o preconceito é 10 vezes maior.
Tem alguma ideia de mix para os proximos singles? Rock, talvez…?
Eu sou um artista muito aberto a parcerias, acho que o Rap é um dos generos que mais crescem no pais e quanto mais agente se misturar com outros artistas mais ele vai crescer e derrubar preconceitos, curto rock sim, cresci ouvindo charlie brown, cpm 22 e bandas gringas como nirvana, blink182 etc
Então aqui no brasil tem grandes artistas que admiro muito em todos os estilos, quero trabalhar com varios, não só do rock, mas do pop, do sertanejo etc etc gosto de sair da minha zona de conforto e mearriscar em novos caminhos.
Tem algum recado para os leitores do Agatacett´s Blog?
Gostaria de deixar um Salve especial para os leitores do Agatacett´s Blog, tamo junto de coração e convidar a todos pra acompanhar nossas redes socias que estamos com muito trabalho novo engatilhado
Acabamos de Lançar o clipe #OTempo com minha parceira Paula Bressann e vem muita novidade por ai.
É Isso, Lutem pelos seus sonhos que o impossivel não existe, Paz!!!!

Link para o YouTube:

https://youtu.be/MnbtpLvB240

A união musical | MC Fraza

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Recentemente, os integrantes da banda Santa Cruz se pronunciaram em suas redes sociais e isso não deixou os fãs muito felizes.

 

Resultado de imagem para santa cruz band

 

A banda de Glam Metal criada em 2007 na Finlândia levava consigo o clássico do estilo que agrada fãs de banda como Reckless Love e CrashDiet. Além disso, os integrantes lançaram o álbum Bad Blood Rising, se seria o retorno triunfal com o single Young Blood Rising, com direito a um videoclipe que levou os ouvintes a loucura e hoje ultrapassou a margem de 275 mil visualizações no Youtube.

Mas, a pouco mais de dois meses, os integrantes, individualmente, escreveram uma carta através de um post no Instagram, agradecendo os fãs pelo apoio e relatando que todos os integrantes estavam precisando desse tempo com a banda. Os fãs se manifestaram em inúmeros comentários e os integrantes da Santa Cruz, mostraram-se disponíveis e agradecidos pelo carinho e reconhecimento.

A interrupção foi feita durante a turnê da banda para o lançamento oficial do álbum.

Semanas depois, foi postada a foto do guitarrista Brody DeRozie como um recado de boas vindas. Os fãs, já revoltados, comentaram frases como ”unfollow now”, ”Santa Cruz is over” e ”please, #dontcometobrazil”.

O vocalista da banda voltou a ensaiar com o líder da banda Reckless Love, Ollie, no projeto The Local Band, na semana do dia 1 de julho de 2018.

 

Enquanto as novidades não surgem, vamos aproveitar um pouquinho do último álbum dessa banda que deixará saudades.

 

 

O que aconteceu? | Santa Cruz

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Recentemente o portal Terra anunciou que, em 2019, será lançado o segundo filme da Mulher-Maravilha, que se passará no ano de 1984.

Esse película trará muitas semelhanças com a renomada banda Metallica, já que no mesmo ano, foi lançado o clássico álbum Ride The Lightning.

Resultado de imagem para mulher maravilha

A curiosidade mais bacana entre esses dois ícones é que a Mulher-Maravilha é uma fantasia do universo CD, enquanto Ride The Lightning é baseado na obra, também fantasiosa, The Stand, dos escritores Stephen King e H.P. Lovecraft;

E para quem, assim como eu, é fã da tradicionalíssima Lynda Carter, essa notícia é sensacional, já que a atriz deverá aparecer no segundo filme dessa franquia.

Os antigos lançamentos | Metallica

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

A dica de hoje é para você que investiu em lançar uma música em outra língua e quer atingir públicos diferentes.

Hoje está muito comum a internacionalização de músicas e outros itens da cultura brasileira, que sempre despertou a curiosidade do pessoal lá fora.

Imagem relacionada

É claro que, independente do material ser nacional ou não, deve ser de qualidade, mas é muito legal se você mostrar que teve cuidado ao idealizar aquele produto, então a dica #1 é: capriche na identidade da banda, da música e do material de divulgação.

Após isso, disponibilize esse material nas plataformas onde você acredita que seu público esteja, seja em plataformas streaming (que eu já te ensinei no post anterior), no Youtube ou no SoundCloud. A ideia aqui é deixar um link de fácil acesso para que a pessoa que curtir o seu som possa ouvi-lo sem dificuldades de achar.

Se você tem amigos que moram em outro país, convide eles a conhecer e a divulgar o seu material, mostre sinceridade e diga que quer fazer música de qualidade para o mundo inteiro. Cative seu público e o torne próximo de você, pois a sua ideia inicial é fazer com que seu material seja conhecido e reconhecido, o restante do sucesso é a consequência do trabalho duro.

 

E se você pensa que isso é só para a música, está enganado! Foi com esse trabalho de formiguinha que o Agatacett´s Blog ultrapassou a margem de 70 mil acessos em mais de 90 países! O importante é nunca desistir de fazer diferente.

Lancei uma música em outra língua

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

O post de hoje é pra você que quer colocar seu single nas plataformas mais famosas para disponibilizar música boa para todo mundo! Que tal deixar o pessoal ouvindo você e sua banda enquanto navega pelo Spotify e ainda ganhar dinheiro com isso?

Pesquisei um pouquinho mais e o FGMarcas me deu as instruções necessárias para fazer uma música ou álbum bombar no streaming, então mãos a obra!

 

Resultado de imagem para spotify

 

  1. Escolha uma distribuidora

Ela fará a conexão entre a banda e a plataforma desejada, seja ela Spotify, Deezer ou Youtube. As distribuidoras recomendadas pelo Spotify são Tunecore, CD Baby, Emu Bands, Record Union, Spinnup e Awal e cobram uma taxa inicial de serviço. Também há uma opção que trabalha ‘a cobrar’, chamada ONErpm.

 

2. Disponibilize o seu material

Escolha a sua distribuidora, cadastre-se através do site e deixe que eles tenham acesso ao seu álbum. Lembrando que você pode trabalhar com um álbum inteiro ou apenas uma música de trabalho, chamada de single, que deverá subir para o site no formato WAV.

Capriche na arte da capa do álbum e na autenticidade da sua música. Seja você!

 

A partir da opção Spotify For Artist você pode usar a sua conta de ouvinte para disponibilizar o seu material, similar ao SoundCloud. Além de visibilidade, a plataforma te dá informações sobre seus fãs e ouvintes, o que, futuramente, te ajudará a direcionar melhor as suas propagandas, tornando suas ações mais efetivas.

Você será pago pela plataforma conforme a sua música for ouvida.

Como ter sua música no Spotify ou Deezer

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

O som de hoje é da banda Krias de Kafka, criada em Santo André – São Paulo e que contou com um financiamento coletivo para a gravação do segundo álbum da banda.

A banda Krias de Kafka lançou, em dezembro de 2017, seu segundo álbum independente, “Deserto Sem Extraterrestres”. O trabalho foi viabilizado graças a uma campanha de financiamento coletivo realizada na internet, com a pré-venda de 50 kits compostos por CD, camiseta e adesivo.

O mais novo e aguardado disco de Mateus Novaes (vocal), Hector Alves (baixo), Lucas Campos (guitarra) e Álvaro Burns (bateria) foi gravado, mixado e masterizado no estúdio Mestre Felino, em Mogi das Cruzes (SP), por Danilo Sevali, quem também produziu o disco junto à banda, e Helena Duarte, ambos da Hierofante Púrpura.

A imagem pode conter: 1 pessoa

“Diferente do primeiro álbum, as faixas foram gravadas de forma mais orgânica. Queríamos chegar o mais próximo da banda ao vivo, sem apelar para recursos digitais sem sentido”, explicou Novaes, responsável pelas letras. “Em ‘Deserto’, nós trabalhamos com uma sonoridade diferente. Optamos por uma guitarra a menos para que as músicas soassem mais claras e as palavras, importantes para o grupo, mais diretamente inteligíveis”, completou o vocalista e compositor.

O processo criativo foi bem enxuto. Grande parte das 12 canções que integram o álbum já existia. A cada noite de ensaio, regadas a doses de conhaque, as letras e melodias foram remodeladas, com o objetivo de entregar ao público um material “cru e direto”, que refletisse os anseios dos quatro rapazes de Santo André.

A capa de “Deserto Sem Extraterrestres” – um rato morto em um aparente espaço estrelado – foi concebida pelo artista plástico Daniel Camatta, também do Grande ABC, em conjunto com o Krias.

 

 

Cena Santo André | Krias de Kafka