Arquivo da tag: texto

Nota

Encontrei isso em um livro didático, em uma página qualquer que eu abri para ler sem motivo algum. Gostei, me encontrei e quero compartilhar uma  receita.

INGREDIENTES

2 conflitos de gerações

4 esperanças perdidas

3 litros de sangue fervido

5 sonhos eróticos

2 canções dos beatles

MODO DE PREPARAR

dissolva os sonhos eróticos

nos dois litros de sangue fervido

e deixe gelar seu coração

 

leve a mistura ao fogo

adicionando dois conflitos

de gerações às esperanças

perdidas

 

corte tudo em pedacinhos

e repita com as canções dos

beatles o mesmo processo usado

com os sonhos eróticos, mas desta

vez deixe ferver um pouco mais e

mexa até dissolver.

 

parte do sangue pode ser

substituído por suco de

groselha mas os resultados

não serão os mesmos

 

sirva o poema simples

ou com ilusões.

Receita de como montar sua sociedade

Anúncios
Nota

A primeira infância de Jimi não foi o que se considera normal. Sua mãe, uma jovenzinha de 17 anos, deu à luz em Seattle (Washington) em 27 de novembro de 1942, enquanto o pai, Al Hendrix, lutava na Segunda Guerra Mundial.

Na pré-adolescência descobriu, entre outros, Chuck Berry, Muddy Waters, Ray Charles e o Elvis da primeira época, formando uma base musical que no futuro lhe seria incalculavelmente valiosa.

”Hendrix era um cara muito simpático, calado, mas profundo. Justamente o contrário da imagem selvagem e enlouquecida que mostrava nos palcos.” Miles Davis

Considerado o melhor músico de guitarra elétrica da história do rock, Jimi Hendrix foi aceito no museu US Rock and Roll Hall of Fame em 2005. Foi o primeiro músico incluído na lista do Native American  Music Hall of Fame.

”Depois de vê-lo tocar, Chas Chadler, baixista do The Animals, ofereceu a ele um contrato para introduzi-lo no núcleo dos grandes artistas do momento.”

 

 

 

 

Guitar Collection EP 2: Jimi Hendrix

Nota

A desastrosa carreira da dupla Milli Vanilli inspirou uma ópera nos Estados Unidos. A obra experimental “WOW” será apresentada no final de janeiro em Nova York, de acordo com o portal DNAinfo.

O duo alemão conquistou rápido sucesso no final dos anos 80 com músicas como “Girl You Know It’s True”, “Blame It On The Rain” e “Girl I’m Gonna Miss You”. Com ombreiras, ternos combinados, cabelo rastafari e coreografias, o sucesso rendeu até o um Grammy de artista estrante para a dupla, que era formada Fab Morvan e Rob Pilatus.

Mais tarde, depois que o playback da dupla falhou em uma apresntação televisionada pela MTV, começou-se a desconfiar das habilidades vocais do duo. Não demorou muito até que se descobrissem que Morvan e Pilatus não eram os verdadeiros intérpretes das músicas. As canções eram gravadas em estúdio por outras pessoas e cabia a dupla apenas fingir que aquelas vozes eram suas.

A ópera é um projeto do compositor Joe Diebes, do poeta Christian Hawkey e do crítico teatral David Levine. Nela, são retratados diferentes momentos da história do grupo, como o sucesso, os problemas técnicos que revelaram uma das maiores fraudes da história da música pop, até a coletiva de imprensa em que o grupo assume a farsa e é obrigado a devolver o Grammy que recebeu.

fonte: http://www.cifraclubnews.com.br/noticias/71443-fiasco-na-carreira-de-milli-vanilli-vai-virar-opera-nos-estados-unidos.html

Decadência 80´

Caveiras Mexicanas (curiosidades, tatuagem, festival e significado)

Padrão

A tatuagem: mesmo representando a morte, também represente a imortalidade.

 A caveira mexicana: também é um símbolo do Dia dos Mortos no México, representando cenas do cotidiano (como casamentos da alta sociedade) com as pessoas somente em seu esqueleto.

 La Catrina de los toletes: são caveiras, geralmente usando chapéu para representar a alta sociedade, que, de um jeito humorístico, mostra que o dinheiro não muda o fato de que todos irão morrer um dia.

 

 

Nota

  Prometo que é a última vez que vou desabafar com um diário virtual,provavelmente não vou cumprir essa promessa pois toda vez que algo acontece eu digo ”prometo a mim mesmo que nunca mais vou tentar ter amigos” ou ”prometo que nunca ou confiar em ninguém”, mas isso nunca dá certo,já que,infelizmente,para conviver em sociedade é preciso conversar com as pessoas.

  É impossível se isolar e viver em paz sem ser atingido com os tiros imaginários das outras pessoas, porque até para comprar algo você tem que dizer pelo menos ”oi”.

  Ainda lembro de como imaginei que eram as tribos do rock: pessoas com o mesmo estilo e personalidade uniam-se e seria amigas para sempre graças ao Rock N´Roll,eram como gangues inseparáveis.

  ISSO É MENTIRA! Os melhores e verdadeiros gênios do Rock N´Roll nunca se uniram a uma tribo,sempre viveram isolados e o mundo não os conheciam, até suas mentes consideradas perturbadas por uma sociedade que não os compreendem transformar seus pensamentos em músicas,que muitas pessoas curtem,mas poucas entendem o verdadeiro significado daquela letra.

  Fiz esse texto lembrando de um amigo meu,digamos que ele é o meu Kurt Cobain vivo,ou talvez morto,não sei se ele vai gostar, mas só quero que ele saiba que OS MELHORES GÊNIOS DO ROCK CRESCERAM ISOLADOS DE UMA SOCIEDADE NORMAL.

 

Diário de uma Rockeira part 2