Arquivo da tag: photo

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

A conversa de hoje é com o Stephano, baterista da banda Feed My Soul. A entrevista foi bem completa e ele contou um pouco sobre o cenário underground no Rio de Janeiro? Cadê os leitores cariocas?

Como você poderia resumir a historia da sua banda?

Nossa primeira reunião como Feed aconteceu em agosto de 2010, já tínhamos tocados juntos em outras ocasiões, nossa união musical vinha desde a época de colégio e esse projeto tinha a ver mais com o fato de quatro amigos que queriam arrumar um jeito de estarem juntos fazendo o que gosta do que necessariamente fazer sucesso ou algo do tipo.

Tínhamos muito material próprio na gaveta e com isso resolvemos gravar um primeiro álbum como registro dessa amizade, o trabalho resumiu bem esse espírito, a sonoridade refletiu bem o que a gente estava ouvindo naquele momento, tinha muita coisa do Creed, Alter Bridge com pitadas de Metallica, Iron Maiden e até um q de progressivo em algumas músicas.

Com esse material em mãos fizemos alguns eventos na nossa cidade natal mas outros compromissos fizeram com que a gente tivesse que dar uma pausa no projeto… porém o “vício” de estar tocando e se reunindo como amigos falou alto no ano passado e então decidimos que era hora de nos juntarmos de novo e começar a pensar de forma mais estruturada como banda.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas em pé

Quais as expectativas da banda para 2018?

Para 2018 vamos lançar nosso segundo trabalho autoral, que já está na fase final de pré produção, nele vamos tratar de todas as nossas influências e tentar traduzir isso de forma coerente, cada um aqui tem sua peculiaridade musical e estamos tentando colocar todo esse tempero de forma agradável.

Vamos ter a pegada post grunge, mas também vai ter uma pitada de funk rock, temas com violões e hard rock e esse trabalho será um epílogo de um álbum maior que virá no final de 2019, também vamos lançar um projeto que nele vamos mostrar influências nossas que não são necessariamente vindas do rock.

Além de, claro, tentar levar nosso som para cada vez mais longe, já estamos estudando propostas para Minas e São Paulo.

A imagem pode conter: texto

 

Como você sente a cena underground no Rio de Janeiro?

O Rio é muito diverso, tanto falando apenas de cidade como de estado também, existe bons espaços para todos os estilos e bandas que fazem um excelente trabalho, seria injusto citar apenas algumas mas gostamos de acompanhar o trabalho da Canto Cego, Q4rto Teto, Innocence Lost e Venus Café, em relação a espaço gostamos muito do trabalho feito pela Jack Daniels Rock Bar, Heavy Duty, Calabouço, na baixada tem o Gato Negro Pub e “do outro lado da ponte” tem o Rock’n Beer Pub em São Gonçalo.

Na nossa cidade natal a cena é bem menor e mesmo assim estamos nos juntando com outras bandas parceiras para tentar aquecer o rock na cidade e estamos começando a notar a diferença, o público está comparecendo mais e as casas investindo mais no estilo.

 

Tem algum recado para os leitores do Agatacett’ s Blog?

Nosso recado é que vocês continuem procurando coisas novas, isso é fundamental para que o rock continue vivo, sempre vamos ter como referência a galera das antigas, eles chegaram primeiro e possuem todo o mérito. Mas não podemos parar no tempo, tem muita coisa nova surgindo e essa galera precisa da força do público e hoje em dia com a facilidade do streaming você consegue conhecer bandas de todo o canto e isso é incrível.

 

 



 

Alô Rio! | Feed My Soul

Anúncios
Nota

Oi pessoas, tudo bem?

No começo da semana, contei um pouquinho sobre o Matheus e o Thiago, da Banda AL9 e hoje vamos continuar o assunto, mas com algumas curiosidades sobre o single “Quando Te Conheci”.

 

  • Os meninos administram a própria imagem e cuidam dos posts e do relacionamento com os fãs através das redes sociais. Não é a toa que hoje eles contam com o apoio de pelo menos 5 fã clubes até mesmo pelo Whatsapp, sendo reconhecidos em viagens dentro e fora do país;

 

  • O Matheus Khouri tem 19 anos e o Thiago Khouri, 17 e moram na cidade de São Paulo. Eles afirmam que conquistaram todos os públicos, mas que a grande parcela de seus ouvintes são do gênero feminino.

 

A imagem pode conter: 2 pessoas, texto

 

  • A música é de composição realmente autoral. A produção, arranjo e gravação ficaram por conta deles.

 

  • A maior influência dos meninos são os Beatles, a ponto de usarem instrumentos. A guitarra do Matheus é uma Rickenbacker 325 de 1994, mesmo modelo utilizado por John Lennon. O baixo do Thiago é um Hofner 5000/1 alemão de 1967, mesmo baixo que Paul McCartney usa até hoje. Até a gaita que Matheus usou para gravar é uma Marine Band, alemã, mesma gaita utilizada por John Lennon;

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas no palco, pessoas tocando instrumentos musicais, violão e área interna

 

  • Durante a gravação, Matheus e Thiago optaram em gravar da maneira que se gravava antigamente, ou seja, sem usar recursos de estúdio para afinação de vozes ou qualquer “correção” nos instrumentos. As vozes foram gravadas ao vivo e os instrumentos também;

 

 

Curiosidades | AL9

Nota

Oi pessoas, tudo bem?

Com uma proposta diferente, os meninos da banda AL9 estão dominando as redes sociais com seus vídeos e simpatia. Recentemente laçaram a primeira música autoral ”Quando Te Conheci” e é claro que o Agatacett´s Blog contou com uma entrevista exclusiva.

A Banda AL9 é formada pelos irmãos Matheus Khouri, 19 anos, no vocal e guitarra e Thiago Khouri, 17 anos, no vocal e baixo

 

Hoje vocês lançaram a primeira música autoral. Como foi essa realização? 

Lançar nosso primeiro single é uma sensação ótima, ainda mais que a composição é nossa (Matheus Khouri e Thiago Khouri). Nós produzimos, nós arranjamos, nós gravamos… Ou seja, é algo realmente nosso, que temos muito orgulho de lançar.

 

A Banda AL9 teve um sucesso e repercussão rápida nas redes sociais. Como é a A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, céu e atividades ao ar livrehistória de vocês com a música?

Sempre escutamos muita música, nossos pais sempre curtiram esse estilo de música. E nosso pai sempre tocou guitarra como um hobby, ele acabou ensinando a gente e decidimos formar uma banda. Tentamos tocar com outros integrantes, mas nunca dava certo, então decidimos ficar apenas nós dois, e as coisas vem dando super certo!

 

Qual é a coisa mais legal que já aconteceu com vocês no mundo da música?

Acreditamos que a coisa mais legal é o momento que você começa a ser reconhecido na rua, no shopping. Vários fãs já nos encontraram, fomos reconhecidos até nos Estados Unidos, por fãs brasileiros e fãs americanos também, inclusive um vendedor de uma loja de instrumentos musicais em Orlando, nos reconheceu e pediu para tocarmos algo na sua loja, tocamos a música Mr. Postman, o vídeo está no nosso Facebook.

 

Qual é o próximo passo da Banda AL9?

Pretendemos lançar mais músicas autorais, e fazer muitos shows ao vivo para o lançamento dessas músicas.

 

Tem algum recado para os leitores do Agatacett’s Blog?

Primeiramente, é um prazer está no Agatacett’s Blog, gostaríamos de agradecer a Ágata pela oportunidade. E se preparem que muitas novidades legais estão chegando aí, shows, músicas novas, fiquem ligados nas nossas redes sociais.

 

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas em pé e texto

 

 

 

Eles estão dominando | AL9

Melhor acessório para fotos…seu cabelo!

Padrão

 Oi pessoas, tudo bem? 

 Quando vocês estão vendo fotos de artistas, rockeiros, amigos, personalidades, entre outras a primeira coisa que você repara é o corte e estilo de cabelo. Eu aprendi a gostar das minhas fotos tendo muitos caras (e seus cabelos maravilhosos) como inspiração, vamos conferir?

 Minhas inspirações:

 Minhas fotos:

 

 

Nota

Hoje eu visitei a loja Hot-V2 que produz artefatos de couro feito a mão e tirei umas fotos bem legais para mostrar para vocês, vamos conferir?

Se quiser conhecer a loja, este é o endereço:

Rua Conselheiro Nébias, 532 (Centro-SP)

Visite o site: http://www.hot-v2.com.br/

PS: Eu adorei a loja e vou voltar para mostrar para vocês mais novidades sobre ela, espero que gostem!

 

20140722-001 20140722-002 20140722-004 20140722-005 20140722-006 20140722-007 20140722-010 20140722-013 20140722-034 20140722-014 20140722-015 20140722-016 20140722-017 20140722-024 20140722-018 20140722-019 20140722-021 20140722-025 20140722-026 20140722-029 20140722-030 20140722-031 20140722-032 20140722-033

Hot-V2

Nota

A cantora Pink tem algumas músicas que falam sobre o comportamento e o pensamento de uma mulher que tenta ser perfeita.  Na música Stupid Girls ela faz brincadeiras que criticam alguns padrões sociais de beleza.

Acompanhe trechos traduzindos, o clipe e a ficha técnica da cantora

 P!nk é uma cantora e compositora de pop-rock, vencedora de 3 Grammys. Lançou o seu primeiro single “There You Go” e o seu primeiro álbum, Can’t take Me Home em 2000. Seu segundo álbum mais pop-rock, Missundaztood, foi o marco de uma mudança radical no som de sua música. Lançado em 2001, o álbum fez um enorme sucesso no mundo inteiro.

 

”Vá até um salão chique, você as encontrará lá

Rindo alto para que toda a gentinha olhe pra elas

Procurando por um ricaço para pagar seu champagne

(Solte um nome!)

O que aconteceu com os sonhos de uma garota presidente?

Ela está dançando no clipe perto do 50 Cent

Elas andam em bandos de duas ou três

Com os seus cachorrinhos fofinhos

e suas camisetas minúsculas!

Para onde, oh onde, foram as pessoas inteligentes?

Oh onde, oh onde eles podem estar?”

 

Garotas Estúpidas

Nota

 

Hoje vou mostrar para vocês uma banda diferente, a Bump Ahead faz tributo à banda Mr. Big.

Membros da Bump Ahead:

Priscila Bleidorn – Teclados
Nelson Renesto Furlani – Guitarra/Voz
Eric Akune – Baixo/Voz
Rodrigo “Rocky” Armoa – Bateria/Voz
Joaquim Shcaira – Vocal

 

Curtam a página da banda no Facebook, clicando aqui.

Bump Ahead – Mr. Big Tribute

Nota

Hoje é dia de falarmos sobre curiosidades e pensei em contar para vocês a verdadeira história do Phineas e Ferb, seriado animado da Disney Chanel, então vou contar para  vocês o que eu lembro deste conto.

Candace, filha mais velha de um casal americano, era portadora de esquizofrenia e se tratava com um psicólogo. A garota tinha dois irmãozinhos mais novo: Phineas, um garoto que sofria de hiperatividade, e Ferb, que sofria de retardo mental.

A garota dizia para sua mãe que seus irmão construíam coisas bizarras no quintal e a mãe, sabendo do problema da filha e dos remédios que ela tomava, não acreditou nas história dela, então Candace escreveu em seu diário tudo que ”via” seus irmãos fazerem.

Um dia, Candace não aguentou mais e se matou com seus próprios remédios, ela também deixou uma carta, mas eu não lembro exatamente o que estava escrito nela. Sua mãe encontrou seu diário e vendeu os relatos descritos nele para a Disney, que criou um seriado animado sobre isso.

Vários músicos apareceram no seriado, entre eles o Slash. O desenho é marcado por muita música, onde a maioria delas pertencem ao Rock N´Roll, como por exemplo o  episódio em que o Baldit deu um show em um festival, onde o cenário foi o símbolo da anarquia e também a presença da banda Love Handel em vários episódios.

 

Histórias da Disney