O que eu achei de Aves de Rapina | Harley Quinn

Oi pessoas, tudo bem?

Talvez esse post esteja saindo tarde demais e eu nem sou especialista em cinema para falar tanto sobre isso, mas o blog é meu e eu falo do que quiser <3.

Hoje vamos falar sobre Aves de Rapina, que trata da emancipação fantabulosa da querida Harley Quinn de seu pudinzinho, Coringa. Mesmo o filme tendo lá suas críticas, eu vi todo o enredo como algo muito maior do que apenas uma comédia nada romântica.

Primeiramente, a emancipação se deu não só pelo fato de terminar o namoro, mas também da proteção que a imagem masculina projetava sobre a protagonista, o que – mesmo não sendo A feminista, entendo perfeitamente – pois em algumas situações traz a falsa (ou verdadeira) sensação de segurança, de defesa e o filme mostra que mesmo sem um homem ao seu lado, é possível sim mostrar sua inteligência, suas habilidades e se defender, sem decotes e vulgaridade (caso você não tenha percebido que durante o filme ela usa uma camiseta branca sem decotes, mostrando que a mulher não é um objeto que desejos).

Ter mulheres como protagonistas e trilhas sonoras com vozes femininas, como Heart, é sim, do meu ponto de vista, importante, necessário e que deve ser quebrado como paradigma, que deve parar de ser ridicularizado ou criticado, simplesmente por parecer sem graça para uns ou outros.

Esse assunto pode parecer chato, batido ou sem fundamentos e eu entendo os dois lados da moeda, pois conheço homens e mulheres – de verdade – que também entendem os princípios de cada um. É triste ver que mesmo depois de tanto falar e fazer, ainda assusta algumas pessoas ver mulheres em filmes, reuniões, cargos ou posições que não se tratam apenas de corpo bonito e boca fechada, mas saber que, aos poucos algumas coisas estão mudando – mesmo que a minúsculos passos – já me dá uma leve esperança de que a minha futura filha deixe de ver ou ouvir coisas que eu já tive que ouvir e ver, não só sobre os filmes com mulheres, mas sobre todo o resto.

De maneira geral o filme é divertido, com edições interativas e cenas envolventes de luta e agressões, típicas da cinematografia, vale a pena curtir a filmagem no fim de semana.

 

FOTOS PARA POSTS (7)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s