Nota

Passo o dia inteiro imaginando meu bem
Na cama, no chuveiro, no trampo, sempre tão blasé
É uma neurose,
Uma overdose,
Sou dependente do amor!
Meus amigos dizem que essa coisa vicia
Andaram até jurando que era anorexia
É uma neurose,
Uma overdose,
Sou dependente do amor!
Babe, meu coquetel de paixão
Com mel e limão
On the rocks, on the rocks, on the rocks…

Venha aqui

Lindo, por favor

Pode me dizer onde estou

Você não irá dizer alguma coisa

Eu preciso me familiarizar

Estou perdido

E as sombras continuam mudando

 E sou assombrado

Pelas vidas que eu tenho amado

E ações que tenho odiado

Sou assombrado

pelas vidas que teceram a teia

dentro de minha cabeça assombrada

 Ela diz: “Olá, seu bobo, te amo!

Junte-se à viagem da alegria!

Ela é uma flor, posso pintá-la

Ela é uma filha do sol

Somos parte disso juntos

Não podemos dar meia volta e correr

Não preciso de um vidente para saber

Onde meu amor de sorte começa

 

Educação Sentimental

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s